quarta-feira, 4 de maio de 2011

De Constituição à Borduna


Lideranças de todo o Brasil se encontram acampados na Esplanada dos Ministérios para discutir os problemas de suas comunidades. O "Acampamento Terra Livre 2011" iniciou-se nesta segunda-feira e deve seguir até quinta-feira e um dos principais pontos apresentados pelas lideranças é o descaso da FUNAI (governo) com suas bases.



Isabel Xerente lembra aos parentes que a Constituição dos índios é a borduna

“O branco acabou com a nossa FUNAI, perdemos a nossa segurança, e hoje somos massacrados e queremos a FUNAI de volta” lamentou a anciã Izabel Xerente. Preocupada em levar soluções à suas bases, a anciã convidou os presentes para uma união “parentes vamos unir forças e tirar esse atual presidente da FUNAI. Quero voltar pra minha aldeia com algum resultado, e se precisar a nossa constituição é a borduna”.


Gercilha Krahô denuncia o governo brasileiro

Os empreendimentos que afetam as terras indígenas é um tema bastante discutido e preocupante entre os indígenas. “Hoje o governo virou um trator que quer passar em cima de nós, a barragem do estreito já nos preocupa e está se tornando um problema ambiental” colocou Gercilha Krahô que atualmente enfrenta sérios problemas com a construção da Barragem de Estreito e também luta contra a construção da barragem de Serra Quebrada.

O cacique Celestino Xavante que está acampado embaixo da FUNAI há quase um mês enfatizou a sua preocupação diante das articulações da presidência do órgão contra os povos indígenas e pediu a todos que “unam forças e tirem esse presidente, ele nos desrespeitou e mentiu em relação à construção de Belo Monte”. O cacique também se lembrou das 35 crianças Xavante da Terra Indígena Parabubure que estão morrendo de fome, ou melhor, inanição. Por fim, o cacique destacou a necessidade de um indígena na presidência da FUNAI.

O indígena Carlos Pankararu lembrou aos participantes que “essa resistência da FUNAI já tem um ano e cinco meses desde a homologação do decreto 7056, que visava uma reestruturação do órgão e posso perceber que é um problema em comum de todos nós indígenas”. E para finalizar o Pankararu lembrou a todos que “a FUNAI manipula os indígenas através da Comissão Nacional de Políticas indigenistas (CNPI) que hoje, infelizmente ela é presidida pelo governo”.

1 comentários:

Cesar Crash disse...

BordunaⒶ neles!

4 de maio de 2011 09:15

Postar um comentário